Multiação leva saúde e cidadania a moradores de Várzea Grande

Cada pessoa tem motivo especial para ir ao Multiação. Busca por atendimento médico, orientação jurídica, mudar o visual, ir ao dentista, fazer exame, ganhar uma muda de árvore ou apenas se divertir. A dona de casa Maria Zulene de Paiva, de 61 anos, é uma dessas pessoas que saiu de casa bem cedo e fez tudo o que precisava no Multiação deste sábado (10), realizado no bairro Capela do Piçarrão, em Várzea Grande.

“Consegui consulta com o clínico geral da Unimed, depois fiz ultrassom de tireoide no laboratório Imagens, tomei vacina no Rotary e ainda me consultei com o médico neurologista da Univag. Num só lugar, consegui com rapidez vários tipos de atendimentos. Estou muito feliz”, declarou a dona de casa.

Nesta edição, foram realizados 7.891 mil atendimentos. Muitas pessoas identificaram problemas na visão com os médicos da Associação de Oftalmologia, mas ganharam óculos doados pela Pró Ótica. Teve quem conseguiu cirurgia com os médicos ortopedistas da Clínica Genus e até quem descobriu que estava aposentado pela Previdência Social. No estande do INSS, João Milton Caldeira recebeu um belo presente de Dia dos Pais: a carta de concessão da aposentadoria, indicando dia e local de pagamento da aposentadoria.

Quem pensa que só os adultos vão ao Multiação, está enganado. O adolescente Luís Eduardo de Jesus, de 13 anos, está presente em todas as edições para jogar o “Futuro em Jogo”, game do Tribunal Regional do Trabalho 23ª Região, que oferece às crianças uma reflexão lúdica sobre as consequências de suas escolhas. “Quando conheci o jogo, eu tinha muita dificuldade, mas como tinha gostado muito, comecei a participar de todas as edições. Agora, eu venho para ensinar as crianças a vencerem as fases”, contou Luís, que foi ao projeto acompanhado dos pais.

Para o presidente do Sistema Fiemt, Gustavo de Oliveira, muito mais do que ofertar serviços, o Multiação vai até onde as pessoas estão e precisam. “Essa parceria quem envolve muitas empresas e instituições reflete em mais cidadania para a população que muitas vezes nem consegue se deslocar de casa em busca de atendimentos. Esse é um diferencial do projeto, que vai aos bairros mais carentes”. Neste sábado, além do bairro Capela do Piçarrão, foram contemplados moradores do 24 de dezembro, Vitória Régia, 15 de Maio, Milton Figueiredo e arredores.

O Multiação é uma iniciativa do Sistema Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso (Sistema Fiemt), TV Centro América e parceiros, sendo eles: Associação de Oftalmologia, Café Brasileiro, Caixa Econômica Federal, Centro de Zoonoses de Várzea Grande, Centro de Patologia e Citologia Paulo César de Figueiredo, Clínica Genus, Clínica Oncomed, Clínica Veterinária Cuiabá, Defensoria Pública, Energisa, Exército Brasileiro, Hospital Amecor, Hospital Santa Helena, Instituto Euvaldo Lodi, Imagens Medicina Diagnóstica, INSS, Instituto Ação Verde, Instituto Embeleze, Laboratório Carlos Chagas, MTU, Refrigerantes Marajá, Pró Ótica, Projeto Via Láctea, Puríssima, Rotary, Sebrae, Senai, Sesi, Sine, Titânia Telecom, Tribunal Regional do Trabalho 23ª Região, Unic, Unimed, Uniodonto e Univag.

Galeria de Imagens - Multiação leva saúde e cidadania a moradores de Várzea Grande

Acompanhe o Sistema Fiemt nas redes sociais:

IEL - Instituto Euvaldo Lodi Núcleo de Mato Grosso
Av. Historiador Rubens de Mendonça, 4193 - Centro Político Administrativo - Cuiabá-MT - CEP: 78049-940
Telefone: (65) 3611-1549